Apresentação
A melhoria das condições de vida, o desenvolvimento da ciência e outras mudanças culturais têm contribuído para alterações demográficas que são um dos principais desafios das sociedades contemporâneas. A esperança de vida aumentou e a taxa de natalidade baixou o que alterou a relação entre o número de jovens e de idosos. No mundo industrializado, a proporção de pessoas com sessenta anos ou mais aumentará de 20% para 32% em 2050. No mundo em desenvolvimento, o aumento prevê-se que seja de 8% para 20%.

Objetivos

Para encontrar respostas para os problemas que estas mudanças levantam e contribuir para assegurar à população idosa uma vida com maior qualidade e dignidade é fundamental a formação especializada em Gerontologia Social que se proporciona neste curso de mestrado numa perspetiva transversal, holística e pluridisciplinar.

O Mestrado em Gerontologia Social tem como principal objetivo desenvolver competências profissionais que promovam a relação com as pessoas idosas, famílias e as relações multidisciplinares, para uma melhor resposta às necessidades de saúde das populações.

Neste âmbito, este mestrado desenvolve o seu plano curricular em torno da aquisição de uma visão sistémica dos fenómenos a observar e a analisar, numa perspetiva transdisciplinar e no contexto social em rede.

Legislação Aplicável

Alterado em 2018 (Aviso 15358/2018, DR, 2ªs, n.º 205 de 24 de outubro)

Propinas e taxas 2021/2022

Candidatos nacionais: 1100 Euros

Candidatos internacionais*: 2000 Euros

Taxa de candidatura: 50 Euros

Taxa de inscrição e seguro escolar: 175 Euros

Nota: A propina deste curso pode ser paga em 10 prestações, sendo a primeira no ato da matrícula e as restantes nos meses de outubro, novembro, dezembro, janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho.
 

* de acordo com o Decreto-lei n.º36/2014, alterado pelo Decreto-Lei nº 62/2018, de 6 de agosto, são considerados estudantes internacionais os nacionais de um estado que não seja membro da União Europeia e que residam legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior.

As candidaturas aos cursos de Mestrado são efetuadas através do Portal de Candidaturas.
 
Saídas Profissionais
  • Direção de instituições vocacionadas para a prestação de serviços aos idosos, direção de serviços de gerontologia social
  • Técnicos especializados em serviços de gerontologia social
  • Conceção, implementação e avaliação de projetos integrantes da vertente da gerontologia social