A instalação-filme Cadavre Exquis encontra-se em estreia no “The script Road – Festival Literário de Macau”.

A instalação-filme Cadavre Exquis encontra-se em estreia no “The script Road – Festival Literário de Macau”.

​​​​​​​​​​​​​​

Bruno Mendes da Silva é um dos convidados internacionais do “The script Road – Festival Literário de Macau, no qual fará a apresentação inaugural das três versões possíveis do filme: a versão linear, a instalação-filme Cadavre Exquis Expanded, que interage com o espectador através de movimentos do corpo, e a versão online, também ela interativa. 

Com inspiração surrealista, Cadavre Exquis é um projeto que que surge no seguimento de Os Caminhos que se bifurcam e que procura a subversão do discurso fílmico através do  fracionamento da unidade espaço-temporal.

Três personagens encontram-se na mesma sala, imóveis, cristalizadas no tempo. O que ali fazem? Como foram lá parar? Em Cadavre Exquis Expanded, para descobrir, o espectador tem a possibilidade de aproximar-se ou afastar-se de cada personagem, podendo selecioná-las. Na versão linear as escolhas são feitas de um modo autónomo que pretende simular as potenciais escolhas do espetador. Cada escolha resulta numa analepse até ao momento da cristalização. Ao escolher a última personagem, o espectador descongelará a cena de abertura, colocando-a em movimento.

Para este projeto, foram convidados 3 guionistas, a cada um foi atribuída uma personagem, tendo os autores total liberdade criativa na construção das analepses. Um desses guiões, bem com a voz-off correspondente, ficou a cargo de Vítor Reia-Batista, a quem o filme homenageia.

Fundado em 2012 na Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), o Festival Literário começou como o primeiro e maior encontro de literatos da China e dos Países de Língua Portuguesa alguma vez organizado no mundo. Nos últimos anos, o Festival ganhou notoriedade, tornando-se num evento internacional que acolhe escritores, editores, tradutores, jornalistas, músicos, cineastas e artistas plásticos de diversas geografias e nacionalidades. Este ano, o Festival decorre entre 15 e 24 de março.